IPBeja - Gabinete de Relações Internacionais
IPBeja > Serviços Centrais do IPBeja > Gabinete de Relações Internacionais

 

A Mobilidade Erasmus no IPBeja

O ERASMUS, enquanto programa que proporciona experiências internacionais e financia bolsas de mobilidade de estudantes e docentes no Ensino Superior no âmbito do Programa de Aprendizagem ao Longo da Vida, representa para as IES’s de pequena dimensão a possibilidade efectiva de cooperarem em contexto internacional. Reconhecendo as  oportunidades  associadas ao Erasmus, tanto para os alunos como docentes bem como para a instituição em geral,  o Instituto Politécnico de Beja, tem desenvolvido esforços no sentido de intensificar o número de alunos e docentes em mobilidade bem como a qualidade associada a essa actividade.

Registando uma tendência para o aumento anual do número de participantes no Erasmus, tanto recebidos como enviados,   desde 1999/2000 que os objectivos da participação do IPBeja neste programa de mobilidade se relacionam com:

- Intensificar a participação institucional nas acções do programa Erasmus: aumentar o número de alunos e docentes do IPBeja que realizam períodos de estudo, estágio ou de ensino numa instituição parceira; aumentar a mobilidade de pessoal técnico para formação; incentivar à participação em Programas Intensivos Erasmus, Networks e outros projectos multilaterais.

- Incrementar a qualidade associada às actividades de mobilidade: assegurar o reconhecimento académico e a definição prévia de planos de estudo/trabalho a desenvolver na instituição parceira; melhorar as práticas de gestão, nomeadamente a transparência e os prazos associados aos processos de mobilidade dos alunos recebidos e enviados; garantir a existência de informações úteis para alunos em língua estrangeira através da disponibilização online do Guia ECTS; promover cursos de língua e fortalecer a estrutura de apoio/acolhimento a alunos enviados e recebidos.

 Ao nível da internacionalização em geral e do programa Erasmus em particular, o IPB, num cenário de médio prazo, tem por objectivo desenvolver as seguintes áreas de intervenção:

Fortalecer a centralização da gestão da mobilidade internacional de estudantes

Promover um “Política de Línguas do IPB”

Melhorar a estrutura de recepção e acolhimento dos alunos recebidos.

Reforçar o reconhecimento profissional dos períodos de mobilidade de docentes

 

©2011 - Instituto Politécnico de Beja
Ficha Técnica