IPBeja - Instituto Politécnico de Beja

Leonard Orban, comissário europeu do multilinguismo entre 2007 e 2009, afirma:

“A capacidade de comunicar em várias línguas constitui uma vantagem significativa para indivíduos, organizações e empresas. Fomenta a criatividade, permite acabar com os estereótipos culturais e promove uma maneira de pensar que não se encaixa em parâmetros convencionais, podendo também ajudar a desenvolver produtos e serviços inovadores.”
http://ec.europa.eu/languages/documents/speaking-for-europe_en.pdf

Um estudo recente sobre os Efeitos na Economia da Escassez de Competências em Línguas Estrangeiras nas Empresas (Estudo ELAN) provou a existência de uma conexão clara entre conhecimento de várias línguas e sucesso económico, afirmando que uma parte significativa dos negócios falhados ou parcerias económicas perdidas por empresas europeias se deveu às barreiras linguísticas e culturais. No caso de Portugal, o estudo apresenta-o como o país que evidencia mais efeitos negativos sobre as suas exportações, em consequência de falhas comunicacionais.

©2011 - Instituto Politécnico de Beja
Ficha Técnica
Ficha Técnica